Mar da Poesia


Só vou até ali...

 

Vou até ali e já volto. É perto. Bem perto. Vou catar letras. Vou comprar papel celofane e alguns guizos. Vou precisar também de fitas. Não quero fitas opacentas como o dia-a-dia, pálidas como tarde de temporal, e descativantes como uma noite sem uma noite sem amor, sem gozo, sem regozijo. Quero fitas coloridas para amarrar as palavras que hei de escrever com as letras catadas. Quero verde da clorofila das árvores, o vermelho dos hibiscos com sua tentadora aparência luxuriante e o azul anil do céu do meu país. E os guizos? Os guizos não vou usar no Natal. Vou guardar. Deus menino não precisa ser anunciado, precisa ser amado. E os guizos posso  bimbalhar em tempo oportuno para lembrar aos políticos que deviam amar todos os meninos e meninas desfavorecidas que perambulam pelas ruas como se Deus menino elas fossem.                     



Escrito por Jeanete Ruaro às 18h58
[   ] [ envie esta mensagem ]




Com imenso pesar fiquei sabendo do falecimento do nosso amigo poeta e companheiro de blogs Nel Meirelles. Como homenagem póstuma deixo aqui dois poemas dele.

O instante é eterno Nel, e com certeza tua alma está coberta de sonhos num varal de luz e poesia.

 

varal

amor rasga
estranhas estradas

vai breve
brisa volta

é a eternidade
do instante

: pendura sonhos
na alma

nel meirelles

 

pintura

as vezes que não fui sempre foram maiores do que as vezes que voltei. parei em cada ponto do mapa procurando as respostas manual de sobrevivência na seiva

troquei beijos com a morte
tantas vezes
nos setembros e agostos
e sempre fui rouco
do canto da velha sereia
e permaneci sentado
na minha poltrona de braços
no paralelo extremo
do sul do horizonte
sobrevivendo nos muitos espasmos
que este universo
de poesia e sustos
me despeja
a cada manhã tantas dores e só encontrei mesmo as cores. azuis.

Nel Meirelles



Escrito por Jeanete Ruaro às 19h01
[   ] [ envie esta mensagem ]




Há dias assim

em que a maior saudade que sinto

é a saudade de mim.

 



Escrito por Jeanete Ruaro às 09h47
[   ] [ envie esta mensagem ]


[ ver mensagens anteriores ]


 



Meu perfil
BRASIL, Sul, SAO LEOPOLDO, CENTRO, Mulher, de 56 a 65 anos, Portuguese, German, Arte e cultura, Informática e Internet
Histórico
  01/06/2008 a 30/06/2008
  01/05/2008 a 31/05/2008
  01/12/2007 a 31/12/2007
  01/10/2007 a 31/10/2007
  01/09/2007 a 30/09/2007
  01/08/2007 a 31/08/2007
  01/06/2007 a 30/06/2007
  01/05/2007 a 31/05/2007
  01/04/2007 a 30/04/2007
  01/03/2007 a 31/03/2007
  01/12/2006 a 31/12/2006
  01/11/2006 a 30/11/2006
  01/10/2006 a 31/10/2006
  01/09/2006 a 30/09/2006
  01/08/2006 a 31/08/2006
  01/07/2006 a 31/07/2006
  01/06/2006 a 30/06/2006
  01/05/2006 a 31/05/2006
  01/04/2006 a 30/04/2006
  01/03/2006 a 31/03/2006
  01/02/2006 a 28/02/2006
  01/01/2006 a 31/01/2006
  01/12/2005 a 31/12/2005
  01/11/2005 a 30/11/2005
  01/10/2005 a 31/10/2005
  01/09/2005 a 30/09/2005
  01/08/2005 a 31/08/2005
  01/07/2005 a 31/07/2005
  01/06/2005 a 30/06/2005
  01/05/2005 a 31/05/2005
  01/04/2005 a 30/04/2005
  01/03/2005 a 31/03/2005
  01/02/2005 a 28/02/2005
  01/01/2005 a 31/01/2005
  01/12/2004 a 31/12/2004
  01/11/2004 a 30/11/2004
  01/10/2004 a 31/10/2004
  01/09/2004 a 30/09/2004
  01/08/2004 a 31/08/2004
  01/07/2004 a 31/07/2004
  01/06/2004 a 30/06/2004
  01/05/2004 a 31/05/2004
  01/04/2004 a 30/04/2004
  01/03/2004 a 31/03/2004
  01/02/2004 a 29/02/2004


Outros sites
  >>Prosa&Verso encadeados<<
  Blue eyes- Lisieux
  Carlos Besenr
  Álvaro
  Anucha Mello
  Crys
  proseando com Mariza
  Palimpnoia
  Neusimari
  Antes fosse agora
  Ricardo Mann
  Ardeamor
  Bragalia
  dbellentani
  Graças
  Digressiva Maria
  Fala Poética
  luiz Tarciso
  Fragmento
  Agrestino
  Concretismo
  Lu-letras divrsas
  Loba
  Poesia&cia
  Poesia sim
  hotwheels -Mário
  Bel- belavida
  Dora Vilela
  Alex
  Ponto- Gê Geórgia
  Ponto De Vista
  Palavras ao vento
  Retalhos- Dora Vilela
  Escondidas
  Empórium
  José Maria Poesias
  Kátia Maués
  Retalhos e pensamentos
  Colcha de retalhos -Dora
  Rogério Simões- Poemas
  Mário Cézar -Coivara
  Zumbi escutando blues
  Diana Dru- Entre laços e nós
  Leo
  Revelações- Dequinh@
  Pinho
  Uma janela para o mundo
  Jucier
  Márcia Maia
  Marcia Maia
  Adelaide Amorim
  Weder poeta
  Lu -poetar
  Andre- Quintaldecasa
  Poros e cendais- Antoniel
  Espaço livre- Julia
  Dira Vieira
  Poligrafia
  Moacy Cirne
  Canteiro de obras
  Maria Borges
Votação
  Dê uma nota para meu blog